Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2017

POSTAGEM RECENTE: PETDoc - Vídeo Games: O Filme

Imagem
Na última sexta-feira (29/09) foi realizado o PETDoc, no qual contamos com a presença e os comentários do professor Bruno Guazzelli, sobre o documentário "Vídeo Games: O Filme".



POSTAGEM RECENTE: Divulgação cientifica e Ensino de Física: atividades desenvolvidas pelo grupo PET Licenciaturas em Ciências Exatas

Autores: Brenda Braga Pereira, Isabela Franco Costa, Walison Yan Aparrecido da Silva.
Resumo: O museu de ciências possibilita a aproximação dos visitantes com o desenvolvimento tecnológico e conceitos científicos lecionado nas escolas e divulgado pelas mídias. É imprescindível compreender a função desses espaços, com a finalidade de utilizá-lo como um meio de divulgação científica e contribuir para construção do conhecimento científico. No Espaço InterCiências, centro de ciências da Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI), os mediadores atuantes nesse ambiente discutem textos referentes a sua atuação e seus objetivos com determinadas abordagens sobre os experimentos, de acordo com as leituras e o trabalho realizado no espaço os mediadores consideram o museu como um espaço de educação não formal que viabiliza a experiência da prática pelos visitantes dos fenômenos físicos. A proposta desse artigo é dissertar sobre as atividades desenvolvidas pelo grupo do Programa de Educação Tutorial …

POSTAGEM RECENTE: Investigação de construções conceituais sobre energia baseada em uma atividade experimental planejada em conjunto.

Autores: Marcus Vinicus de Almeida, João Ricardo Neves da Silva.
Evento: Encontro Sul-Mineiro de Ensino de Física (2017).

Para acessar o artigo completo clique aqui.

Análise das interações discursivas entre monitores de um centro de ciências e alunos da educação básica em uma atividade experimental planejada em conjunto.

Autores: Marcus Vinicus de Almeida, João Ricardo Neves da Silva.
Evento: Jornada da Iniciação Cientifica - UNIFEI (2016).

Para acessar o artigo completo clique aqui. 

Introdução ao conceito de Algarismos significativos em uma atividade de sala de aula invertida

Autores: Jamile de Paula, Juliana Fernandes, Mariana dos Santos Silva, Newton de Figueiredo Filho.

Evento: Encontro Sul-Mineiro de Ensino de Física (2017).

Clique aqui para acessar o artigo completo.

O curso de licenciatura em Física da Universidade Federal de Itajubá: Um estudo sobre a sua história e o perfil profissional de seus egressos

Autores: Pedro Filipe de Souza Soares, Mariana Feiteiro Cavalari.
Evento: Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2017.
Para acessar o artigo completo clique aqui.

Temática ambiental e o ensino de Física: Considerações a partir dos trabalhos apresentados nos anais do SNEF

Autores: Gabriel Lisboa de Melo, Luciano Fernandes Silva.
Evento: VI Encontro Sul-Mineiro de Ensino de Física (2017).
Para acessar o artigo completo clique aqui.

Mapeamento da disciplina História da Matemática das Universidades Federais localizadas na região Norte do Brasil

Autores: Bruno Vinicius da Silva, Mariana Feiteiro Cavalari Silva.
Resumo:Esta pesquisa tem o objetivo de mapear os aspectos da História da Matemática (HM) e suas articulações com o ensino de Matemática na Educação Básica, que estão sendo contemplados nas disciplinas dos cursos presenciais de Licenciatura em Matemática, oferecidos por Universidades Federais, localizadas nos estados da região Norte do Brasil. Para tanto, foi realizado um levantamento, por meio do site do Ministério da educação no sistema e-MEC, das Universidades Federais localizadas na região norte do país que ofertam o curso presencial de Licenciatura em Matemática. Identificamos, assim, 24 cursos em 8 Universidades.Em seguida, foram realizadas buscas nos sites das Universidades com vistas a obter informações sobre os cursos de Licenciatura em Matemática e os seus Projetos Políticos Pedagógicos (PPP). Desta forma, verificamos que dois destes cursos não estão em atividades. Nos sites dos cursos, das Universidades e em s…

Evolução estelar como estratégia para ensinar termodinâmica

Autores:Juliédson Artur Malaquias Reis, Newton de Figueiredo Filho.
Evento: Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2017.
Para acessar o artigo completo clique aqui.

Evolução estelar como estratégia para ensinar termodinâmica

Autores:Juliédson Artur Malaquias Reis, Newton de Figueiredo Filho
Evento:VI Encontro Sul Mineiro de Ensino de Física – Esmef 2017.

Para acessar o artigo completo clique aqui.

O laboratório remoto de Física de UNIFEI: Um espaço formativo sob diferentes perspectivas

Autores:Cíntia Torres Lemes Galvão, Camila Cardoso Moraes, Thiago Costa Caetano, Mikael Frank Rezende Junior.
Resumo: No contexto educativo atual, o cidadão deve ser preparado para viver em uma sociedade onde os recursos tecnológicos são abundantes e renovam-se rapidamente. Portanto, além de preparar os alunos para que possam se posicionar de maneira crítica frente às tecnologias, a educação deve garantir que ele seja capaz de continuar seu aprendizado sobre esses recursos mesmo após a fase escolar. Este cenário nos leva a repensar a formação de professores, tornando-se fundamental instrumentalizar esses profissionais tanto do ponto de vista pedagógico quanto do ponto de vista técnicometodológico,objetivando um novo paradigma curricular que se vê despontar e tomar forma a partir das diretrizes educacionais. Pensando em contemplar essas dimensões formativas, encontramos um ponto de convergência nos laboratórios de acesso remoto para o ensino de Física. Neste trabalho apresentamos o labo…

Viagens formativas já realizadas

Imagem
Aqui estão disponíveis algumas fotos de nossas viagens formativas:


Catavento Cultural - São Paulo



Catavento Cultural - São Paulo - 2015







Museu da Vida - Fiocruz - Rio de Janeiro


Algarismos significativos no laboratório de Física: Uma abordagem inspirada na sala de aula invertida

Autores:Jamile de Paula, Juliana Fernandes, Mariana dos Santos Silva, Newton de Figueiredo Filho.
Evento:VI Encontro Sul Mineiro de Ensino de Física – Esmef 2017.

Para acessar o artigo completo clique aqui.

Um breve histórico do curso de Física da Universidade Federal de Itajubá

Autores: Pedro Filipe de Souza Soares, Mariana Feiteiro Cavalari.
Resumo: curso de Licenciatura em Física da Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI) foi criado em 2002. Este foi o primeiro curso de Licenciatura desta universidade e tem sido bem avaliado pelas avaliações oficiais e por membros da academia. Além disto, em 2015, este curso teve a conclusão de sua décima turma. Neste sentido, realizamos uma pesquisa com o intuito de investigar aspectos da história do curso de Licenciatura em Física da Universidade Federal de Itajubá, apontando as motivações e/ou dificuldades para a sua criação e destacando aspectos relativos à sua primeira matriz curricular e corpo docente. Tal pesquisa se justifica, sobretudo, pois alguns aspectos identificados nesta investigação poderão contribuir: para a formação da identidade dos licenciandos em Física da UNIFEI, uma instituição historicamente tecnológica; para a divulgação e valorização deste curso, até mesmo dentro da própria instituição e para a re…

O curso de licenciatura em Física da UNIFEI: Um estudo sobre a atuação profissional dos egressos

Autores: Pedro Filipe de Souza Soares, Mariana Feiteiro Cavalari Silva.
Evento: VI Encontro Sul Mineiro de Ensino de Física – Esmef 2017.

Para acessar o artigo completo clique aqui.

O ensino de Astronomia e a formação inicial de professores de Física: Contribuições de uma atividade de observação do céu noturno

Autores: Alan de Gois Cesar, João Paulo Assis Bonifácio, Júlio César Martins, Mariane
dos Santos Fernandes, Millie Castro Salles, Thiago Costa Caetano.


Resumo:O ensino de Astronomia tem sido apontado por diversos autores da área como  um elemento importante na formação do cidadão. Diante desses apontamentos, no curso presencial de Licenciatura em Física da Universidade Federal de Itajubá, tem-se buscado a criação de espaços para se trabalhar o Ensino de Astronomia. A criação da disciplina “AST926 – Conceitos de Astronomia”, no ano de 2009, pode ser considerada um resultado das discussões que ocorreram nesse sentido. A disciplina tem sido aprimorada desde então,dos pontos de vista pedagógico e metodológico. Atividades que colocam os licenciandos em contato com o público, em situações didáticas, tem fornecido elementos norteadores importantes nesse ponto. Nesse trabalho trazemos um relato de uma atividade  de observação do céu noturno com um telescópio robotizado adquirido no ano de 2011 …

Leituras

Aqui estão disponíveis alguns dos textos discutidos e apresentados em nossas reuniões semanais:


Título:A contribuição de um centro de ciências para a formação de professores Autores: Gabriel José da Silva Valle, Alex Arouca Carvalho, José Roberto Tagliati e Luciene de Fátima da Silva
Título:A educação formal e a educação informal em ciências  Autor: Alberto Gaspar
Título:Divulgação cientifica em centros e museus de ciências Autores: Cecilia Cavalcanti, Robson Coutinho Silva, Pedro M. Persechini e Eleonora Kurtenbach
Título: Educação em centros de ciências: visitas escolares ao observatório astronômico do CDCC/USP Autores: Pedro Donizete Colombo, Silvia Calbo Aroca e Cibelle Celestino Silva

Título: O papel educacional do museu de ciências: desafios e transformações conceituais Autores: Thonson Ferreira; Miguel Bonfá, Rafaella Librelon, Daniela Jacobucci e Silvia Martins
Título: Formação de monitores do museu de ciências da dica: preparo além da prática Autoras: Carla Gruzman e Vera Helena F. de Si…